6 de maio de 2020 Miguel Silva

Kichute, Calce Esta Força – Put This Power On!

Let’s talk about the good old days and a shoe style that is part of the story of a generation?

Eu resolvi fazer uma homenagem ao Kichute, modelo de tênis que fez história entre 1970 e 1980 e marcou uma geração. O tênis foi lançado em 15 de junho de 1970, aproveitando o advento da Copa do Mundo do México.

O Kichute era um misto de tênis e chuteira, e foi largamente produzido no Brasil pela Alpargatas. Com o slogan Kichute, Calce Esta Força teve seu ápice entre os anos de 1978 e 1985, quando suas vendas ultrapassaram 9 milhões de pares anuais.

Feito de lona e solado com cravos de borracha, todo em preto, virou mania entre os meninos, pois era usado tanto para ir à escola quanto para a prática do futebol, ainda mais depois da conquista do Brasil da Copa do Mundo de 1970. Devido ao seu longo cadarço, era comum entrelaçá-lo na canela antes de amarrá-lo, ou mesmo dar voltas nele próprio, passando pelo solado.

Vamos analisar juntos a estrutura deste ícone da Industria Brasileira de Calçados?

Upper Materials Composition = Composição dos Materiais do Cabedal

 1- Canvas Upper = Cabedal de Lona

A Lona é um tecido resistente e áspero feito de algodão, cânhamo, linho, ou fio similar, usado para fazer itens como calçados, roupas, acessórios, velas e tendas e como superfície para pintura a óleo.

Palavras Relacionadas:

Yarn = Fio.

Cotton = Algodão.

Cloth = Pano, Tecido.

Hemp = Cânhamo. Como tecido, o cânhamo fornece todo o calor e maciez de um tecido natural, mas com uma durabilidade superior raramente encontrada em outros materiais.

Linen = Linho. É um tecido feito a partir das fibras de uma planta herbácea (o linho). Ele é trabalhoso de se fabricar, mas a fibra é forte, absorvente e seca mais rapidamente que o algodão.

Calçados Vulcanizados vs. Lona de Algodão – Vulcanized Shoes vs. Cotton Canvas

A Lona para calçados vulcanizados, normalmente, é 100% algodão, porque se for feito de fio sintético (e.g. Poliéster, Poliamida) pode encolher durante o processo de Vulcanização. No vulcanizado o adesivo de maior uso é o CR (Chloroprene Rubber – Borracha de Cloropreno), por isso, precisa ser fios 100% algodão. Entretanto, as Lonas de Algodão para os calçados vulcanizados podem conter fios sintéticos na sua composição, mas sempre de Poliéster (PES), nunca de Poliamida (PA), pois pode afetar as propriedades de colagem (Adhesion Properties).

Palavras Relacionadas:

Upper = Cabedal (Gáspea)

Yarn = Fio

Cotton Yarn = Fio de Algodão

Polyester yarn = Fio de Poliéster

Polyamide Yarn = Fio de Poliamida

Synthetic Yarn = Fio Sintético

Natural Fiber Yarn = Fio de Fibra Natural

Polyester (PES) = Poliéster. Tecidos e malhas feitos com fios de fibras de poliéster são usados extensivamente em confecções e têxteis-lar, de camisas e calças a casacos, chapéus, lençóis, cortinados e móveis estofados.

Polyamide (PA) = Poliamida. O Náilon (do inglês, Nylon) é um nome genérico para a família das poliamidas. Foi a primeira fibra têxtil sintética produzida, e hoje podemos ver a poliamida sendo usada para fabricação de carpetes, airbags, patins, relógios, Calçados Esportivos, uniformes de esqui, cordas para alpinismo, barracas.

O Poliéster e a Poliamida conferem atributos distintos, tais como Flexibilidade (Flexibility), Resistência Mecânicas e Térmica (Mechanical and Thermal Strength), Tipos de Acabamentos (Types of Finishing), etc. aos Calçados e Vestuários (Shoes and Apparels).

Adicionalmente, eles têm um peso variado no custo final das peças. Mas isto nós veremos mais para frente quando falarmos, exclusivamente, sobre materiais.

Curiosidade sobre a Lona/Canvas: a palavra Lona provém do nome da cidade francesa de Olonne, situada na Vendeia, vale do Loire, onde o tecido era produzido. Lona, em inglês, é Canvas, termo que deriva da palavra árabe para “cannabis” – o cânhamo era utilizado popularmente para produzir lona.

2- PVC Laminate Eyestay = Espelho da Gáspea de Laminado de PVC

PVC é a abreviação de Cloreto de Polivinil (Polyvinyl Chloride); um material termoplástico sintético produzido por polimerização de cloreto de vinila. As propriedades dependem do plastificante (Plasticizer) adicionado. As formas flexíveis são usadas em mangueiras, isolamento, sapatos, roupas, etc.

Devido ao seu baixo custo, tende a ser usado em calçados de menor preço (Low-end Products). O uso de PVC foi sistematicamente reduzido em calçados esportivos (Sports / Athletic Shoes) em todo o mundo, em particular, devido ao uso de ftalatos em suas composições.

Palavras Relacionadas:

Eyestay = Espelho da Gáspea (região onde os ilhoses são afixados)

Plasticizer Agents = Agentes Plastificantes

Phthalates = Ftalatos (conferem maior flexibilidade ao PVC)

Thermosets = Termofixos (Termoendurecíveis)

Thermoplastics = Termoplásticos

3- Metal Eyelets = Ilhoses Metálicos.

Os ilhoses para calçados são fabricados, na sua grande maioria, em Metal, sendo Latão (Brass) e Ferro (Iron) as principais ligas utilizadas. O latão (Brass) é mais resistente à corrosão do que o ferro (Iron). Além disto, o tratamento e o acabamento das peças fará toda a diferença quanto a proteção da oxidação, e para evitar que as peças percam o seu acabamento, brilho, cores, etc.

Palavras-relacionadas:

Eyelets = Ilhoses

Rivets = Rebites

Hooks = Ganchos

D-Rings = Argolas D-Ring

O-Rings = Argolas Redondas

Hook Lace-Loops = Laços de Ganchos

4- Polyester Shoelace = Atacador / Cadarço de Poliéster

A variedade de materiais utilizados nos atacadores é bem ampla. Em geral, para calçados esportivos, que é o caso do Kichute, é utilizado o Poliéster (Polyester).

Palavras Relacionadas:

Cotton Shoelace = Atacador / Cadarço de Algodão.

Elastic Shoelace = Atacador / Cadarço de Elástico.

Multicolor Shoelace = Atacador / Cadarço Colorido.

Tie Your Shoes = Amarrar os Seus Sapatos / Calçados.

Shoelace Bow = Tope do Atacador / Cadarço do Calçado.

5- Tongue = Lingueta

A Lingueta do Kichute não era forrada e nem mesmo estofada. Era bem básica, sem acabamentos nas bordas, e tinha mais a função técnica de proteger os pés do atrito dos atacadores, do que de destaque no visual.

Palavras Relacionadas:

Pad / Padded = Estofada / Acolchoada / Almofadada

Padded Tongue = Lingueta Estofada / Almofadada

No Lining = Sem Forro

No Backing = Sem Reforço no Avesso

6- English Binding = Debrum Simples

Há diversos tipos de processos de acabamentos de bordas, e dependerá do propósito do calçado, da peça, etc. para que seja escolhido o melhor acabamento possível.

Alguns dos acabamentos de bordas mais utilizados são:

Raw Edge = Borda Afio

Folded Edge = Borda Virada Simples

Glove Edge = Borda Luva ou Luvada

Binding Edge = Borda Debruada

French Binding = Debrum Francês

English Binding = Debrum Inglês

Piping Edge = Borda com Vivo ou Vivada

Eu prometo escrever um artigo detalhando cada uma destas técnicas mais para frente.

7- Mustache or Back Tab = Bigode ou Lapela Traseira

Mustache = Bigode, Tab = Aba / Lapela. A Lapela Traseira tem funções técnicas e de design. No caso do Kichute, como é o caso de diversos modelos de tênis, ela tem a função técnica de dar um melhor acabamento, e reforçar a costura de emenda e fechamento do traseiro, pois é uma área muito exigida durante o uso e no momento que nós tiramos os tênis. Tem ainda, a função de oferecer um melhor visual ao modelo do calçado.

Palavras-relacionadas:

Back Seam = Costura Traseira (costura de fechamento do traseiro do cabedal do calçado.

Put the Shoes On = Calçar o Sapato.

Take the Shoes Off = Descalçar o Sapato.

Design = Significado. O termo significa bem mais do que Desenho ou Estilos, como muitos pensam, pois se refere a concepção de um produto (máquina, utensílio, mobiliário, embalagem, publicação etc.), especialmente no que se refere à sua forma física e funcionalidade. Um estilista traduziu em uma única palavras o que é o Design = Significado. Ou seja, a combinação de ações e materiais, que arranjados de determinada maneira passam a ter significado para o cliente.

8- Sock Lining or Insole = Palmilha Interna

Embora eu não tenha certeza, eu acredito que a Palmilha Interna (Sock Lining) do Kichute deva ser de EVA em Chapa e/ou Espuma PU Tradicional. O objetivo desta peça neste modelo de caçado é bem objetiva: oferecer conforto ao usuário.

Como a Construção Vulcanizada (Vulcanized Construction), em geral, é muito simples e se não usa uma palmilha de montagem e/ou uma entressola capaz de absorver o impacto causado aos pés no momento da caminhada e da corrida, a Palmilha de Montagem (Insole or Sock Lining) tem esta função atribuída a si.

Nota histórica: Um dos atributos, recursos ou característica (Attributes, Features, Characteristic) que faltavam ao Kichute era, justamente, o Conforto (Comfort). Esta foi uma das razões de sua queda nas vendas, em especial, com a chegada de modelos de tênis que ofereciam maior conforto aos pés (e.g. adidas Marathon e New Balance).

A Chegada dos modelos mais elaborados fez com que a percepção dos consumidores (Consumers Perception) mudasse a tal ponto que as escolas começaram a proibir o uso do Kichute por duas reações: diziam que machucava o pé das crianças, e porque riscavam os pisos das salas de aulas e quadras esportivas. O mercado já era VUCA (Volatile, Uncertain, Complex, Ambiguous) naqueles tempos (risos).

9- Rubber Outsole Unit = Unissola de Borracha

Basicamente, o solado era um bloco que borracha vulcanizada com os seguintes aspectos que podemos destacar:

Vulcanized Rubber = Borracha Vulcanizada. O processo, embora tecnicamente “Simples” requer muito conhecimento técnico e químico para que tenhamos o Solado de Borracha (Rubber Outsole) devidamente aderido ao Cabedal. A Construção Vulcanizada (Vulcanized Construction) à primeira vista parece muito simples de ser produzida, mas não é mesmo.

Palavras Relacionadas:

Outsole = Solado

Outsole Unit = Solado em uma única unidade (solado no estilo unissola)

Rubber Outsole Unit = Unissola de Borracha

Vulcanized Rubber = Borracha Vulcanizada

Vulcanized Rubber Unit Sole / Outsole = Unissola de Borracha Vulcanizada

10- Stud or Cleats = Travas ou Garras

São saliências na sola de um sapato ou em um acessório externo a um sapato, que fornecem tração adicional em uma superfície macia ou escorregadia. Eles podem ser cônicos ou em forma de lâmina e feitos de Plástico (geralmente, TPU), Borracha (Rubber) ou Metal (Metal). O tipo usado depende do ambiente de jogo, seja grama, gelo, grama artificial ou outros motivos.

Curiosidade: como o Kichute era um misto de Tênis Casual (Casual Shoe or Casual Sneaker) com Chuteira (Soccer Boots or Soccer Shoes), por muito tempo ele fez parte da lista do uniforme escolar, e junto com o Bamba e o Conga, sem dúvidas, fez parte do dia a dia da maioria dos leitores com mais de 40 anos.

Poderíamos dizer que o Kichute foi primeiro Sapa-Tênis-Chuteira de nossa história. Eu ainda lembro do cheirinho de novo do Kichute que ganhávamos no início do ano escolar (tinha que durar o ano todo).

Aproveitando o gancho, vamos ver um pouco mais sobre o solado do Kichute:

Chuteira = Football Boots, Soccer Shoes or Soccer Boots. A nomenclatura varia entre países e regiões. Alguns países, em geral europeus, chamam de Cleats (Grampos), fazendo referências as Travas / Garras. O certo é que qualquer uma destas nomenclaturas serão compreendidas.

Travas ou Garras da Chuteira = Studs or Cleats. Literalmente, Studs significa Pregos ou Tachões se referencio a forma como os calçados de corrida tem seus solados (Outsoles) construídos para promoverem maior aderência à pista de corrida (Traction to the Running Track); enquanto Cleats significa Grampos, pelas mesmas razões dos Studs.

Palavras Relacionadas:

Sports Shoes = Calçados Esportivos

Athletic Shoes = Calçados de Praticar Esportes

Casual Shoes = Calçados Casuais

Outdoor Soccer Shoes = Chuteiras (podendo ser Tênis de Futebol Society)

Indoor Soccer Boots = Tênis de Futsal (podendo ser Tênis de Futebol Society)

Cleats = Grampos – Travas ou Garras da Chuteira ou Tênis Society

Studs = Tachões – Travas ou Garras da Chuteira ou Tênis Society

Nas laterais o Kichute apresentava uma Ranhuras, Texturas e Saliências (Grooves, Textures and Overhangs) que destacavam o seu visual, e promoviam a melhor aderência nos mais diversos tipos de solos.

Para subir em árvores era perfeito, pois eram muito flexíveis copiando as superfícies, e os detalhes laterais auxiliavam na aderência e no tracionamento para andar sobre os galhos das árvores. Um grande atributo para aquela época que as crianças estavam autorizadas a subir em árvores, pois era coisa de criança (risos)!

, , , , ,